“Ruptura”, de Gonçalo Santos, é o grande vencedor da IV Edição do C(H)ORTA!

São agora conhecidos os vencedores da IV Edição do C(H)orta – Festival de Curtas do Faial. A Mostra Oficial deste ano, rodada a 26 de outubro de 2019 no Teatro Faialense, coroou “Ruptura” como o grande vencedor.

A curta metragem realizada por Gonçalo Santos venceu o prémio de “Melhor Ficção”, conquistou a audiência e arrecadou a “Curta do Público” e levou para casa o prémio mais aguardado: “Melhor Filme”.

Por seu lado, Raquel Felgueiras levantou o troféu de “Melhor Animação”, com “Sendas”; Ana Lopes e a sua “Casa Amarela” foram considerados “Melhor Documentário”; e foi atribuído a Tiago Lopes a “Melhor Curta Açoriana” com o curta “Invasão”.

Para ano estamos de volta afim de enaltecer o que de bom se faz em formato curta metragem e continuar a consolidar o C(H)ORTA como uma referência cinéfila nos Açores.

C(H)ORTA!